Make your own free website on Tripod.com

Teoria de Tudo

A Origem das Eras Glaciais

Home
Energia Absoluta
A Origem do Efeito Mpemba
A Origem da Força Gravitacional
A Origem da Expansão Acelerada do Universo
A Origem das Eras Glaciais
A Origem da Regeneração do Fígado
A Origem da Força das Formigas.
Eliminando o Mosquito da Dengue
A Origem dos Venenos
A Origem das Doenças
A Origem do Câncer
A Origem da Arteriosclerose
A Origem do Amor
A Origem de Filhos ou Filhas
A Origem da Dor
A Origem do Pensamento
A Origem do Sono
A Origem dos Isolantes Térmicos
A Origem dos Monumentos Megalíticos
A Origem dos Furacões
A Origem da Felicidade
A Origem dos Extraterrestres
A Origem dos Sonhos
A Origem do Mito das Loiras
A Origem do Universo
A Origem de Um Milagre.
A Origem da Inteligência
A Origem da Mediunidade
A Origem da Lei da Atração.
A Origem da Memória Akáshica
A Origem dos Pelos Pubianos
A Origem dos Desejos Insólitos das Grávidas
A Origem da Velhice
O Segredo do Perfume que Emagrece

Qual a origem das Eras Glaciais?

Você viu pelas páginas anteriores como é a energia no mundo dos sentidos do Platão.
A energia é fria, ou seja, onde há calor temos falta de energia.
A energia vai sempre de onde tem maior quantidade para onde tem menor quantidade.
E o que tem isso tem a ver com as eras glaciais?

A princípio queremos dizer que foi um cientista chamado Milutin Milankovitch quem propôs a melhor teoria sobre as eras glaciais. E se ele soubesse da teoria de Platão sobre energia ficaria melhor ainda.

Todos sabem que no interior da terra existe uma grande quantidade de calor, o que na teoria de Platão teria uma enorme falta de energia.
Já no espaço sideral, ao redor de nosso planeta temos uma temperatura máxima de frio, ou seja, na teoria de Platão temos aí energia máxima também.
Como vimos na página A Origem da Força Gravitacional deste site, esta energia máxima sempre se dirige em direção à terra porque a energia sempre vai de onde tem maior quantidade para onde tem menor quantidade.

A energia vai em direção à terra por causa do calor interno até resfriar toda a sua crosta, quando então a energia se iguala a da crosta e cessa de enviar o frio do espaço para o interior da terra.

No entanto, o calor continua no interior da terra, onde o único frio que penetra em seu interior é apenas o de sua própria crosta. E essa pouca incidência de frio que vai da crosta para o interior da terra vai provocar novamente a o aquecimento da terra. Onde então esse calor vai sair de seu interior através de vulcões, e isso vira um ciclo, em que durante as eras glaciais duram cerca de noventa mil anos, e durante o seu aquecimento dura cerca de dez mil anos. Ou seja, já estamos entrando em uma nova era glacial que só está se retardando devido o desmatamento acentuado em nosso planeta.

mp900411674.jpg

Eras Glaciais.
Quanto vale o teorema de Platão?
William Fiel, autor do livro A Origem Divina de Todas as Coisas, ISBN: 85-7062-389-5.